quinta-feira, 19 de novembro de 2009

AMANHECER





TUDO É SSILENCIO... JÁ É MADRUGADA
E AQUI ME ENCONTRO ACORDADA
ENTRE AS MINHAS DORES E
LEMBRANÇAS
TENTO ENCONTRAR UM RUMO
QUE ME FAÇA FELIZ
TENTO MÉ ENCONTRAR NAS DUVIDAS
ENTRELAÇADA EM VERSOS INACABADOS

SINTO-ME FRUSTADA COM A MINHA VIDA
COM O MEU PASSADO
TENTO APAGAR DA MEMORIA MÁS É TUDO EM
VÃO
SINTO-ME PERDIDA NA IMENCIDÃO
DA MINHA FRAQUEZA .. O MUNDO
MAL ACORADA PARA A MINHA
TRISTE REALIDADE
ONDE NÃO MAIS SEI QUEM SOU,O QUE DESEJO
OU DOS SONHOS QUE  NÃO MAIS
SONHEI

OLHANDO UM PONTO QUALQUER PERCEBO
QUE TUDO MUDOU JÁ NÃO COLHO FLORES
PELO CAMINHO SO ESPINHOS FARPADOS EM MIM
TENTO VER ONDE ME PERDI EM MIM
TENTANDO ASSIM RIENCONTRAR-ME
RECOMEÇAR A VONTADE DE VIVER
E SER FELIZ
MAS TUDO É DESILUSÃO
EM BUSCAS DOLORIDAS ENCONTRO EM MIM
UMA AGUNIA QUE CADA VEZ  ME
SURPRIENDE
MAS QUE AINDA MÉ FAZ CHORAR

TENHO CONSCIENCIA QUE ESTOU SÓ
OLHO A MADRUGADA INDO EMBORA
E O SOL VAI NASCENDO E TUDO SERA IGUAL
E EU? SEM PRESPETIVAS VIVENDO SÓ POR
VIVER
VOU VIVENDO O AMANHA

solidão é a mais dura
dor que não se consegue
apagar poque vive dentro
de nos
autora anita sereno

2 comentários:

Elaine disse...

Anita,
Muito obrigada pela visita ao meu blog, seja sempre muito benvinda!!!
Tenha um lindo final de semana e fique com Deus.

Santa Cruz disse...

Anita Falamos mais uma vez no Silencio é no meu silencio que eu escrevo as minhas palermices ou poemas como os amigos chamam. Tu sofre em silencio e eu também já sofri, no meu silencio não por acaso que o meu blog aparece com esse nome. foi à três anos atrás que sofri ate entrar em depressão, então Comecei escrever para um bloco e em Julho deste ano comecei a publicar no meu blog. um beijo e continua porque eu gosto de muito dos teus poemas um beijo