segunda-feira, 19 de julho de 2010

UM AMOR IRREAL


19 de Julho de 2010
,
queria ser tanta coisa,para te conquistar
quem me dera amar-te,a ti que nunca amei,
já pensei ser teu ar,para que faças parte,
da minha existência,
queria ser a tua pele, para que cubras o meu corpo,
queria ser o teu copo ,para sentir a maciez dos teus,
lábios...,
ser teu lençol para te aquecer nas manhas frias,
queria ser a tua sombra, para te proteger dos,
perigos...,
a ansiedade é constante,queria ser tua neste,
instante...,
queria que o teu olhar me encontrasse,para saberes,
o quanto te desejo e te quero,
queria te abraçar com intensidade,explorar todas ,
as tuas curvas com os meus lábios,
e te levar a paixão...,
quero ser a agua do teu banho para que sejas ,
meu por inteiro,
ser a tua toalha e percorrer teu ,
corpo de caricias...,
vou querer te conquistar,e te deixar me encontrar,
ate a hora que você a mim se encostar,
e nossos corpos se unirem...,
num jeito de nos amarmos,
há como te quero
assim como nunca te pude amar
autora
@anita Sereno





10 comentários:

Alvaro Oliveira disse...

Bom dia ANITA

O meu agradecimento pela visita e coment´«ario.
Um belo poema de amor, muito sensual, com sentimento e desejo de amar.

De momento, minhas visitas são algo espaçadas, pois ainda não concluí o processo da cirurgia.
Em 29/Junho estava para entrar no bloco operatório, para ser feita a cirurgia à vista esquerda, mas foi cancelada, devido a um problema surgido com o agravamento dos valores da minha tiróide.
Muito em breve espero me encontrar
totalmente apto para poder ser mais
presente junto dos amigos.

Uma boa semana para ti.

Beijos

Alvaro

*lua* disse...

Minha menina, que sutileza de querer, leveza de espírito, por mais que teu coração esteja pesado, passas em suas palavras as mais doces palavras. És forte demais ... mesmo sentindo o coração partir em pedaços, consegue nos transmitir paz! Beijo minha linda

Guy Rodrigues e Mariane disse...

Qualindo é seu blg, sempre com charme

Abraços

Pistoleiro Corvo disse...

Grande escrita, sedução nas palavras!

Obrigado a visita ao meu blog, e passei aqui mais vezes!
Abraços!

Santa Cruz disse...

Ó minha doce flor: Que lindo e que doce leveza este teu poema como eu adorei, é sempre reconfortante visitar o teu blog.
Um beijo Doce no teu lindo coração.
Santa Cruz

Barbie Girl disse...

Olá

Feliz dia do amigo, porque afinal de contas, mesmo que nossa amizade seja "virtual" ela é bem real em meu coração!!!

beijos

Cadinho RoCo disse...

Uma delícia tamanho apetite ao dispor do amor.
Cadinho RoCo

José disse...

Olá Anita!
Bom dia
Vejo que está tudo bem por aqui,
que continuo assim com essa inspiração toda.

um beijo,
Jose.

Sonhador disse...

Olá Anita, até que enfim o seu blog, está de novo aí. Valeu a pena continuar a procurar por ele.
Ele tinha desaparecido e podes crer que alguma coisa estava a fazer falta, nos meus momentos de solidão. A tua escrita, é tão directa, tão simples e frontal mas, tão sofredora que apaixona qualquer um.
Cumprimentos e bem haja por ter voltado.

**Eu e eu mesma" disse...

Lindas palavras...
Passarei mais vezes.