sexta-feira, 3 de setembro de 2010

MEU DOCE MEL

2 de Setembro de 2010 
QUEM ÉS TU? QUE ME DEIXAS ASSIM?,
SEMPRE NAS NUVENS!!! TÃO SONHADORA,
QUE ME ALCANÇAS?
QUEM ÉS TU? QUE OS MEUS DESEJOS  REACENDESTES?
FAZENDO MEUS OLHOS BRILHAREM,EM MOMENTOS,
 DE IMENSAS EMOÇÕES,QUERO DESTE,
SONHO,
VIVER AS DELICIAS,ACARICIAR TEU CORAÇÃO ,
BEIJAR TUA BOCA ,E ME PERDER NA TUA BOCA TÃO QUENTE,
TÃO DOCE...,
QUANDO A TUA BOCA A MINHA BUSCAR,E COM TERNURA,
TEUS LÁBIOS TRINCAR ENTRANÇANDO NOSSAS LÍNGUAS,
EM MIL CARICIAS NUM BEIJO GOSTOSO,E APAIXONADO.,
SUBIREI AS ESTRELAS,ALCANÇANDO O CÉU...,
E NUM INSTANTE, REGRESSO,AOS TEUS BRAÇOS DEIXANDO ,
NOSSOS CORAÇÕES LOUCOS E TRÉMULOS ,DE EMOÇÃO,
PRESTES A EXPLODIR,COMO UM VULCÃO,SINTO  TUA  BOCA,
A SEDUZIR-ME ,TEU OLHAR ALICIANDO-ME É TÃO BOM..,
SENTIR ASSIM SEUS OLHOS MOLHADOS,EM MIM,E OS MEUS,
MOLHADOS NOS TEUS TAMBÉM,SÃO DESEJOS DE EMOÇÕES ,
DADAS COM TANTA MALICIAS NOS QUERENDO TANTO,
NÃO COMO UM SONHO APENAS ,E NUM GESTO MEIGO,
ME BEIJA E NELE ME PERCO ,NOS SEUS LÁBIOS ,
INCANDESCENTES ...,
SINTO SUAS MÃOS ,NUMA BUSCA ENVOLVENTE,PERCORRENDO 
MEU CORPO,FAZENDO ENTREGAR  A TI LOUCAMENTE , AMANDO-NOS 
ALUCINADA-MENTE BEIJANDO-NOS, DESVAIRADA-MENTE,
É TÃO BOM SENTIR ESTE DOCE PRAZER FAZENDO TODO O MEU CORPO,
TREMER...,
QUERO TEU CORPO SABOREAR, DESCOBRIR TODOS SEUS,LUGARES,
SECRETOS,APENAS COM O TOQUE DOS MEUS LÁBIOS , VEM..,
ENTRELAÇAR NOSSOS CORPOS MISTURAR O MEU CHEIRO,
E POR TODO TEU CORPO AFAGAR ...,
SEGURANDO MEU CORPO TREMENDO,EU VOU NAVEGAR,
ESTREMECER...FLUTUAR ...
AMA-ME APAIXONADAMENTE FAZ-ME TUA,SÉ APENAS MEU,
E EU APENAS TUA...,
NÃO TE QUERO  APENAS COMO UM SONHO, QUERO-TE REAL,
SER TEU PRAZER SEU AMOR E SUA ETERNA VIDA.
autora
@nita Sereno

10 comentários:

Everson Russo disse...

Delicia de versos esse doce mel...mel da vida...mel do amor...beijos de otimo final de semana.

Mgomes - Santa Cruz disse...

Olá doce flor: Lindo poema poema cheia de amor e ternura, como é bom amar assim sei que és uma mulher com um coração doce e cheio de amor para dar,Adorei flor esta tua forma de te expremir e deitares ca para for aquilo que sentes,
Beijinhos
Santa Cruz

Valter Montani disse...

Anita

Que poema envolvente e flamejante como a paixão. Sabe que eu estive em Portugal em julho e passei próximo de Póvoa de Varzim, adorei seu país, gente acolhedora, lugares lindo a se conhecer. Parabéns pelo escrito, bjs e bom fim de semana.

A.S. disse...

Quem és tu, que transformas palavras em caricias, deslizando docemente sobre a pele?
Quem és tu, senão o calor de uns lábios sedentos, sentindo a proximidade de uma fonte?


BjO´ss
AL

Nilce disse...

Anita, querida

Que versos lindos!
É a paixão incandescente, a vontade do encontrar, do amar plena e loucamente.
Encho meus olhos, meu peito e aguço paixões lendo-te.
Perfeito!

Bjs no coração!

Nilce

Daniel Costa disse...

Anita

Que belo poema! Tem encanto na suavidade feita de sensulidade e ternura, um enconto para o sentir de quem percorre a leitura com olhos de apreciar a beleza que a mesma contém.
Beijos

Everson Russo disse...

Beijo carinhoso de bom sabado pra ti querida,,,,

ONG ALERTA disse...

A magia da paixão, paz.
Beijo Lisette

Goticus Eternus disse...

Valeu Anita desejo tudo de bom para ti tambem, hoje aqui é feriado dia da idependencia, estou aproveitando o dia sem trabalho para ler ficar na net mais um tempo rsrs.
Beijo carinhoso e um até breve

armalu disse...

Estou sem palavras, lindo lindo de morrer e de viver, nos braços de quem se ama.palavras para quê??. lu