sábado, 16 de janeiro de 2010

SOMENTE TÉ AMO




A lua mé fotografou na lembrança
o teu rosto lindo certificandome
um sorriso ,eu té amo por que té amo
não precisamos ser amantes
para um mundo diferente que
um dia sonho encontrar
ter-te do meu lado sempre
que eu precisar e que nos momentos
dificeis estejas lá para me apoiar

A esperança que eu guardo é a que
me faz acreditar que te amo
quando sinto o teu rosto másculo~
encostado ao meu,suavemente
tuas mãos tocando-me  como
se eu fosse me quebrar .provocando-me
arrepios!!!
se sobesses tudo aquilo que fiz
por tua causa.a forma é diferente
mas a alma é a mesma
esta sempre caldo mas eu 
estendo-te a maõ e por momentos

e por momentos passo para outra
dimensão o coração pulsando
na noite ainda ainda criança
as estrelas convidanos para
o paraiso... as quedas d´agua
acalentando o futuro
pela profundidade do nosso amor
infinito
o sol afoguando a paixao
e se tornando imaturo para
prepetuar as nossos sonhos
te amo.. quando te ofereces
a ir comigo para algum lugar
sem perguntar onde,sem nada questionar
quando me convidas, vem ai comigo!!!


o meu coração dispara
querendo loucamente aceitar
onde nos completamos nos desejos
onde nos acariciamos fogosos.
a minha vontade de mé sentir
em ti..e me amalgamar no teu corpo
o dia me revelou a fotografia
estavamos belos ...
para a etrnidade de felicidade
da noite.quero todas as as luzes

apagadas só velas iluminarão o nosso ser
se loucamente e deliciosamente
e a paz me acalma para o proximo
encontro mas a razao fala mais alto
condiciona-me a sonhar
e pensso quando novamente te
direi..EU TE AMO!
  autora
               anita sereno         
                   






















1 comentário:

Santa Cruz disse...

Alma transparente lindo poema o amor faz-nos reviver todo o nosso passado, cada poema teu é sempre mais tocante por favor não pares parar de fazer aquilo que gostamos é morrer os nossos sentimentos.
Um beijo