domingo, 12 de fevereiro de 2012

ESPERANÇA



SABADO-12 FEVEREIRO-2012
a minha alma anda inquieta 
atormentando-me em pensamentos ,
de dor e traições nesta derradeira,
vida que estou a viver,em silencio.
sinto o meu coração fraquejar,de medo.,
 e aflições 
meus olhos vão se transformando
em pequenos oceanos  por vezes 
revolto que explodem na minha face,
como ondas revoltas  que  molham o meu
 rosto  
de desespero... sinto-me sufocar,
nas minhas incertezas e desequilíbrio
tento encontrar respostas para o meu 
sufoco,certezas para a minhas duvidas,
a solidão
invade-me a alma,ja não sinto o brilho
do luar,apenas o escuridão da noite sem lua,
 sinto o meu coração  chorar vibrando na meu
  peito  o pulsar com raiva tamanha é a dor
desta vida
que me vai tirando  aos poucos todos 
 os meus sonhos,sonhos duma vida que
 fui pintando de esperanças mas...,
as cores aos poucos vão perdendo a cor,
ja não sei lutar
contra esse medo com as minhas incertezas
os sonhos estao a chegar ao fim as cores ,
 que de esperança a minha vida fui pintando
acabaram... hoje vivo  com o coração
nas mãos  o medo no olhar e silencio 
na alma.
tenho preso na minha garganta um 
grito de desespero tenho receio
 de perder  o que mais amo o que Deus 
me concedeu  e que no meu ventre girei-os  
com tanto amor 
ha momentos que parece que a desistência
fala mais alto,  julguei que as minhas
 mãos fossem,mais forte para aguentar
a minha luta contra este mundo que me 
sufoca  
hoje no meu silencio pedi a Deus  um pouco
 de paz   e que no seu regaço me deixasse 
por uma noite os meus olhos fecharem.
nao sentir nada apenas a calma e a doçura
do seu abraço
 tenho um grito preso no meu peito 
mas a minha alma apenas o sufocou
autora
@nita Sereno











  

28 comentários:

✿ chica disse...

Que bom te ver novamente e desejo que a esperança não te falte e que possas ir em frente com ela. beijos,chica

Su disse...

Vim retribuir a visita e agradecer seu doce comentário deixado por lá.

Sua poesia é forte e embora triste, ela fala de esperança, assim se ilumina em amor...

Adorei a música que toca aqui... linda!

Beijinhos.
Su.
criandojuntoseducaçãoinfantil

SOL da Esteva disse...

Anita

Mágoas e tristezas parecem povoar este teu Poema.
A solidão é companhia dos Poetas; O inferno, de quem não sabe sonhar.
Aprender a sonhar é ter esperança e acreditar no Amor.
Contudo, Amiga, é edificante e belo todo o conteúdo deste texto. Parabéns.

beijos

SOL
http://acordarsonhando.blogspot.com/

manuela barroso disse...

Anita,
Na tarde fria,procura-se o calor, o aconchego. E às vezes a solidão faz parte desse aconchego gostoso, desde que não imposto.E nessa solidão as palavras fazem companhia, compondo ideias, atravessando pensamentos.
E aí, nas cogitações com o EU, encontramos a voz que nos segreda que nunca estamos sós.Apenas nos sentimos sós. Todos, algum dia nos sentimos um pouco mais sós. Espero que seja o caso desse seu lindo mas sofrido post.
Não desistir é o lema. O Universo são os olhos que nos procuram
Seja bem vinda
Um grande abraço

Ângela Coelho disse...

Anita, obrigada pela visita. Ao ler teu poema senti uma tristeza infinita. Escreves muito bem, passas o sentimento.
Vou te lincar.
Beijos.

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Olá Anita, obrigado pela visita, comentário e presença no Olhar d'Ouro - photography. É um prazer!
Gostei muito de conhecer o teu blog que acho muito interessante. Prometo vir com mais tempo pois encontro aqui mts motivos de interesse!

Bjs

Evani... disse...

Oi Anita, obrigada pela visita e seja bem vindo o seu retorno.
Beijos e muita paz!!!

Evani

Manuel disse...

Bom!!!O seu poema é lindo, intenso e grande paixão.
Adorei.

O meu poema deu a sensação de alguns de ser o aniversário. Não foi! Mas recebi uma bela prenda, a sua visita.
Obrigado

EDER RIBEIRO disse...

Melancólico o seu poema, mas belo. bjos.

Carine disse...

Anita, vim aqui para conhecer seu blog, obrigada pela visita e por me seguir, gostei muito daqui e estou te seguindo também, beijos!


www.rosaacessorios.blogspot.com

Everson Russo disse...

Por mais difícil que possa ser a vida,,,nada melhor do que alimentarmos a esperança de que um dia tudo se encaixe em amor,,,em serenidade, em paz,,,beijos de lindo dia pra ti amiga.

Daniel Costa disse...

Anita

Como poema gosta-se, como depoimento, que será. Sem deixar de ser muito imaginativo, tem muito a magicar, pelo menos, para quem tem espírito emocional.
Beijos

Helena Chiarello disse...

Poesia forte e triste...

Mas sempre é bom saber que um coração capaz de escrever palavras tão sentidas é capaz também de ser forte o bastante para abrigar a esperança e a fé... no amor e na vida!

Obrigada, Anita, por tua amável visita e comentários tão gostosos!

Um beijo!

Fred disse...

Muito lindo, Anita!
Gracias por tu visita ao TPM... e que bom que curtiu... Volte sempre que serás muito bem-vinda!
Bjz!

Goticus Eternus disse...

GURIA DE PORTUGAL AQUI ESTOU RSRSR BJO ANITA !!!

Valter Montani disse...

Cara amiga, que bom que estas de volta e ainda mais em saber que de alguma maneira contribui na sua caminhada.
É muito bom ter a oportunidade de ser de valia aos amigos.
Que tudo corra bem e bom carnaval, volto depois das cinzas. bjs

Meri Pellens disse...

Olá, Anita! Quanto tempo.
Querida, que o Senhor abençoe teus sonhos e o desejo do teu coração, viu?
Beijinho e muita paz...

J. F. M. M. disse...

Saludos desde España.
Soy aficionado a la fotografía y las publico en blogs. Las fotos de mi pueblo estan en:

http://zorita01.blogspot.com/

Espero que sigas me visitando.

Leandro Ruiz disse...

Obrigado pela visita.

Que bons momentos de reflexão que passei aqui... onde pensamentos voaram...

Paz e bem!!!

Leandro A. Ruiz

www.lleandroaugustto.blogspot.com

www.eu-e-o-tempo.blogspot.com

Carine disse...

Anita, essa poesia é forte, me emocionou de verdade! Obrigada pelo comentário carinhoso no blog, beijos pra você!

www.rosaacessorios.blogspot.com

Enigmático Byjotan disse...

Sinto que a angustia se faz presente em um texto, no mínimo, emocionante e terno.Escreve com o coração pingando.beijo de fã.:-BYJOTAN.

varandasazuis (ania n. lepp) disse...

Olá Anita, bom dia...Que maravilhosa foi sua visita, além do carinhoso comentário, me ensejou conhecer e me encantar com seu inspirado e sensível blog...obrigada pela alegria que me ofertou no meu www.sonetosdevarandasazuis.blospot.com

Um abraço...

(se puder, visite-me em meu outro blog...www.varandasazuis.blogspot.com ficarei duplamente feliz!)

Everson Russo disse...

Um belo domingo pra ti minha amiga querida e uma semana repleta de poesia e muita paz...beijos e beijos.

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo poema...Espectacular....
Cumprimentos

♥♥♥Ani♥♥♥ disse...

Olá Anita


Que lindo seu poema...
Cheio de sentimentos...
Ainda que triste, lindo!

Beijos
Ani

lenalima disse...

Lindo e um pouco triste!
obrigada pelo carinho!
abraços

Fred disse...

Valeu querida! Uma ótima semana pra ti aí em Portugal! Bjz!

Dil Santos disse...

Oi Anita, tudo bem?
Menina, lindo e triste. Sempre achei que os poemas mais tristes, parecem demonstrar mais sentimentos, acho que mostram mais um lado em que as pessoas procuram esconder.
Bjo menina